Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

____________________________
____________________________

António De Oliveira Salazar

Durante o século XX, Portugal enfrentou desafios sigificativos, incluindo instabilidade política e econômica. No período entre guerras, o país foi marcado por crises financeiras e agitação social. A ascensão de Salazar coincidiu com um momento de incerteza nacional e busca por estabilidade.

Introdução

António de Oliveira Salazar (1889-1970) nasceu em Santa Comba Dão, Portugal. Formado em Direito pela Universidade de Coimbra, ingressou na política após se destacar como acadêmico. Nomeado Ministro das Finanças em 1926, tornou-se Primeiro-Ministro em 1932, permanecendo no cargo por quase quatro décadas.

Biografia

Após a Revolução Nacional de 1926, Salazar foi nomeado Ministro das Finanças, onde implementou políticas econômicas conservadoras e rigorosas. Sua gestão eficaz o levou a ser nomeado Primeiro-Ministro em 1932, consolidando seu poder. Ao longo dos anos, Salazar promoveu uma política autoritária e conservadora, centralizando o poder e implementando reformas que moldaram profundamente o destino de Portugal.

Ascensão De Poder

Salazar promoveu uma ideologia política e econômica caracterizada pelo nacionalismo, autoritarismo e conservadorismo. O Estado Novo, seu regime, consolidou o poder centralizado do Estado e promoveu uma sociedade hierárquica e corporativista. Salazar defendia uma intervenção estatal na economia e reprimia qualquer forma de oposição política.

Idiologia De Salazar e o Estado novo

Salazar implementou políticas autoritárias para consolidar o poder estatal, suprimindo a dissidência política. Economicamente, defendia uma intervenção estatal, controlando setores-chave. Suas políticas visavam estabilidade financeira e desenvolvimento nacional, mas também incluíam medidas de austeridade.

Políticas Durante o Estado Novo

Sempre é um desafio resumir os resultados das políticas econômicas de Salazar em um único slide. Ele promoveu a estabilidade financeira, mas sua ênfase em setores específicos levou a uma falta de diversificação econômica. Enquanto alguns setores industriais prosperaram, as desigualdades sociais persistiram, e o país enfrentou dificuldades em acompanhar os avanços econômicos de outros países europeus.

Impacto Econômico Das Políticas De Salazar

Impacto Social Do Estado Novo de Salazar

O Estado Novo de Salazar restringiu a liberdade de expressão e os direitos civis, promovendo uma sociedade conformista. Houve pouca mobilidade social e um forte controle estatal sobre áreas como educação e cultura, moldando a vida cotidiana dos cidadãos.

O legado de Salazar é debatido até hoje. Suas políticas, tanto elogiadas pela estabilidade econômica quanto criticadas por restringirem liberdades civis, deixaram marcas profundas em Portugal. Seu impacto perdura, moldando a compreensão da história do país e suas consequências atuais.

Legado e Conclusão

Fim! Obrigada pela atenção