Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

As primeiras comunidades humanas da peninsula iberica

Começar

5. Novas técnicas e utensílios

índice

1. As primeiras comunidades recoletoras

2. Povos mediterrâneos que contactaram com a Península Ibérica

3. O que trouxe estes povos à Península Ibérica?

4. As primeiras comunidades Agropastoris

6. Manifestações religiosas e de culto

  • Os primeiros grupos de homens e mulheres que habitaram a Península Ibérica viviam em comunidades: grupos de vinte a quarenta pessoas que partilhavam entre si os abrigos, a comida, os utensílios e os perigos. Abrigavam-se em grutas e cavernas, ou em tendas ou dormiam ao ar livre. Vestiam-se com folhas de árvores e peles de animais que cosiam com agulhas de osso. Com a ajuda da mão e da sua inteligência, os primeiros homens foram inventando e fabricando instrumentos de pedra, madeira e osso: bifaces, raspadores, setas, agulhas, lanças.

1. As primeiras comunidades recoletoras

O homem primitivo também inventou o fogo que lhe permitiu cozinhar os alimentos, iluminar e aquecer os abrigos e afugentar os animais ferozes. Também os homens primitivos gravavam e pintavam figuras nas paredes das grutas ou ao ar livre. Normalmente, representavam cenas de caça. A estas pinturas e gravuras dá-se o nome de arte rupestre.

Povos mediterrâneos que contactaram com a Península Ibérica

  • Entre os séculos X e III a.C., os FENÍCIOS, os GREGOS e os CARTAGINESES contactaram com os povos peninsulares, sobretudo com os Iberos. Estes povos utilizavam o Mar Mediterrânico, aperfeiçoando os seus barcos, desenvolvendo as suas produções artesanais e dedicando-se ao COMÉRCIO.

O que trouxe estes povos à Península Ibérica?

  • A exploração dos minérios (ferro, cobre, ouro e estanho), do vinho, do azeite, dos cavalos, do sal e da lã. Vinham também vender os seus produtos (armas, artigos de cerâmica e vidro, objetos de adorno, tecidos, perfumes, marfins).

As primeiras comunidades agropastoris

  • Há cerca de 10000 anos a temperatura subiu, os gelos fundiram-se e o clima tornou-se quente e seco. Os animais de clima frio desapareceram e surgiram novas espécies vegetais e animais. Ficaram assim reunidas condições para os homens abandonarem as grutas e melhorar a sua forma de vida. As comunidades agro-pastoris vivam da agricultura, da pastorícia e da domesticação de animais. Como viviam perto das terras que cultivavam deixaram de precisar de se deslocar constantemente, tornando-se assim sedentários. Começou a haver uma maior abundância e diversidade de alimentos o que originou os primeiros povoados.

Novas Técnicas e utensílios

  • Começou-se a praticar a cestaria, a cerâmica e a tecelagem. Novos utensílios foram inventados como a foice, a enxada de pedra, o arado de madeira e a mó manual, e deu-se maior uso da roda.
Manifestações religiosas e de culto
  • Surge também nesta época vários monumentos em pedra como antas, ou dólmenes, e os menires. A vida destas comunidades estava muito dependente do sol e da chuva e da abundância de colheitas. Assim prestavam culto á natureza para que lhes fosse favorável, construindo grandes monumentos em pedra- menires e cromeleques. Também prestavam culto aos mortos contruindo- antas ou dólmenes.

TRABALHO REALIZADO POR:cONSTANÇA AZEVEDONº4 TURMA: 5 F