Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

2ª Lei da Termodinâmica e máquinas térmicas

Índice:

Introdução ao tema

O que é?

Exemplos de máquinas térmicas

Funcionamento

Rendimento

Conclusão

Pág. 3

Pág 4

Pág 5

Pág 6

Pág 8

Pág 9

Introdução:

Iremos abordar o tema a segunda lei da termodinâmica e o funcionamento de máquinas térmicas com o intuito de aprefeiçar os conhecimentos sobre a matéria.

O que é

A Segunda Lei da Termodinâmica, estabelecida no século XIX, destaca a preferência dos sistemas por estados de maior desordem, expressos pela entropia. Ao contrário da Primeira Lei, que trata da conservação de energia, esta lei explica por que alguns processos naturais são irreversíveis. A entropia, como medida de desordem, desempenha um papel central. A compreensão desta lei é crucial para explicar a direção dos processos energéticos, desde a eficiência de motores até fenómenos naturais complexos.

Funcionamento das máquinas térmicas:

As máquinas térmicas convertem o calor através de um ciclo termodinâmico chamado Ciclo de Carnot. O processo envolve variações de temperatura e pressão. Ela retira uma certa quantidade de energia de um reservatório térmico de temperatura alta, e dá uma pequena quantidade de energia a um reservatório térmico de termperatura baixa, libertando energia.

Exemplos de máquinas térmicas

Rendimento de máquinas térmicas:

O rendimento é dado pelo Ciclo de Carnot, dependendo das duas fontes, quentes e frias. O rendimento é calculado N=1- TC/TH. TC é a temperatura fria e TH é a temperatura quente.

Conclusão:

Esperemos que com este trabalho, tenham aprendido um bocado sobre a Segunda lei da Termodinâmica

Realizado por: Rita Sampaio Nº2Hágata Silva Nº8Bruno Sá Nº4Lara Duarte Nº13