Want to make creations as awesome as this one?

More creations to inspire you

Transcript

Bright Start POOAlfredo SoaresGabriel ReyntjensLeonardo Melancia

SISTEMA ACESSO DE VIATURAS DE UM PARQUE UNIVERSITÁRIO

Agradecimentos

Conclusão

Como utilizar o código

Explicação do código

Introdução

Indíce

O projeto proposto pelo professor Evandro Fonseca, para a disciplina de Programação Orientada a Objetos (POO), consiste na implementação de um sistema de controlo de acesso de viaturas no parque de uma Universidade. Neste projeto, é possível registar as entradas e saídas do parque, controlando quem tem acesso através de contas com permissões diferentes, e através dos veículos que tentam entrar ou sair, conseguindo saber quem está registado pela matricula, quem é convidado pelo código ou até se é um veiculo de emergência.A linguagem usada para a realização do projeto foi Java, mais precisamente Java FX, com utilização de CSS e SQL. O projeto realizado no compilador NetBeans, enquanto os ficheiros Fxml foram tratados no SceneBuilder.

Introdução

Como utilizar o código

Todas as classes e métodos são detalhadamente e explicados no relatório do projeto.

Explicação do código

Projeto POO

Relatório POO

O programa é simples, pois funciona como a maioria das aplicações modernas. Se tiver alguma dúvida sobre como utilizá-lo, disponibilizamos um Manual de Utilizador para satisfazer qualquer dúvida.

Como utilizar o código

A realização deste projeto proporcionou-nos uma experiência prática valiosa na área da programação orientada a objetos, consolidando os conhecimentos teóricos adquiridos nas aulas, tanto nas aulas de POO, como as de IPOO e Base de Dados. Ao aplicarmos estes conceitos à gestão de um parque de estacionamento automático, alargámos a nossa compreensão sobre a utilidade e eficácia desta vertente da programação. Podemos assim concluir que este projeto foi um passo significativo na nossa aprendizagem, contribuindo para o desenvolvimento das competências necessárias à construção e compreensão de sistemas baseados em objetos e das suas entidades gráficas, por conta do FX. Houve dificuldades que foram ultrapassadas e que foram fundamentais ao melhor entendimento desta matéria.

Conclusão

POO // Bright Start // Deloitte

Obrigado por assistir