Want to make creations as awesome as this one?

More creations to inspire you

Transcript

O que são?

01

Áreas Marinhas Protegidas

Qual a sua importância?

02

Quais os níveis de proteção?

03

Em Portugal

04

INFO

INFO

INFO

INFO

A criação de áreas marinhas protegidas é importante para regulamentar e condicionar as atividades humanas que causem um impacto negativo em zonas protegidas. A criação destas áreas traz várias vantagens, como a conservação das espécies, particularmente as espécies que se encontram ameaçadas, a proteção dos habitats e o suporte na recuperação da biodiversidade ou a diminuição do impacto das pescas.

Vídeo sobre o projeto MARSW (Mar Sudoeste).

Info

Vídeo sobre o transplante de florestas de gorgónias no âmbito do programa Biomares.

Info

Vídeo sobre o programa Blue Azores.

Info

Em Portugal:

  • as áreas marinhas protegidas já implementadas e com proteção total ou alta em relação à pesca representam menos de 1% da área marinha total;
  • as áreas marinhas implementadas correspondem a 2,8% da área marinha total;
  • existem 2 áreas marinhas com proteção total/alta.

As Áreas Marinhas Protegidas (AMPs) são zonas marinhas geograficamente delimitadas e geridas por uma legislação específica. São criadas para a proteção, a conservação e a gestão da biodiversidade, dos habitats e dos ecossistemas marinhos.

Níveis de proteção das AMPs de acordo com o "Guia de Áreas Marinhas Protegidas: um Enquadramento para Alcançar Metas Globais para o Oceano" (MPA Guide).

Oregon State University, IUCN World Commission on Protected Areas, Marine Conservation Institute, National Geographic Society, and UNEP World Conservation Monitoring Centre (2021) An Introduction to The MPA Guide. https://mpaguide-protectedplanet.net

O nível de proteção e, como consequência, a eficácia das AMPs terão uma enorme influência no estado futuro dos oceanos. No passado, os ecossistemas oceânicos eram abundantes e diversificados em espécies e habitats. Ao longo do tempo, a expansão e intensificação das atividades humanas esgotou-os e perturbou-os e reduziu os seus serviços. As AMPs, em conjunto com estratégias de mitigação climática e utilizações mais sustentáveis dos oceanos, podem conservar e restaurar a biodiversidade e os ecossistemas resilientes necessários para o bem-estar humano. Diferentes níveis de proteção terão resultados diferentes, se as condições favoráveis forem garantidas.

Kirsten Grorud-Colvert et al. The MPA Guide: A framework to achieve global goals for the ocean.Science 373,eabf0861(2021).DOI:10.1126/science.abf08