Want to make creations as awesome as this one?

Transcript

Norberto Presta

Teatrante, escritor, migrante, soñador y realizador de sueños.

Theater artist, writer, migrant, dreamer and dream maker.


Archivo interactivo
Interactive archive

PRESENTAZIONE DELLA PRESENTAZIONE INTERATIVA IN ITALIANO Presentazione in italiano

PRESENTACIÓN DE LA "PRESENTACIÓN INTERACTIVA" Presentación en castellano

APRESENTAÇÃO DA "APRESENTAÇÃO INTERATIVA" Presentação em português

PRÄSENTATION DER „INTERAKTIVEN PRÄSENTATION“ Präsentation auf deutsch

CINE

TEATRO

FICCIÓN

REFELXIONES

TEXTOS

TEATRO

ACTUACIÓN

DIRECCIÓN

AMANHÃ É OUTRO DIA

VERDES E OUVIRDES

CORPO SENTADO

NADA PODE TUDO

CÁ ENTRE NÓS

CLARIARSE

ESTHER WILLIAMS NÃO QUER MAIS NADAR

DINGILINGI

O QUE SERIA DE NÓS SEM AS COISAS QUE NÃO EXISTEM

DONNERWETTER

ES WAR EINMAL IN KULTURETAGE

WIEGESCHITT UND WILDE TRÄUMEN

EHE ALLES LEGENDE WIRD


PEDAGOGÍA

Thanks for sharing

HISTÓRICO DOCUMENTAL TEATRANTE

TEATRANTE en Facebook


ARGENTINO

O ÚLTIMO JOGO FOTOS

O ÚLTIMO JOGO TRAILER

O HOMEM DE ESCREVER

O Homem de Escrever (THE-WRITING-MAN)


TEASER TEARANTE (IT)

TEASER TEATRANTE (DE)

TEASER TEATRANTE (PT)

TEASER TEATRANTE (ES)


TEXTOS Y VÍDEOS

La agachada.

Lo observó agachándose a sus pies, estirando el brazo para alcanzar los lentes caídos en el borde de la vereda, últimamente los objetos se le escapaban cada vez con mayor frecuencia de entre las manos, los años y el Whisky acumulados comenzaban a hacerse sentir. Un impulso inocente la hizo aproximarse para ayudarlo, fue entonces que se preguntó “¿porqué no?, un pequeño e imperceptible empujón y el ómnibus no podría evitar el cuerpo del que fuera su compañero de toda la vida. Como un vídeo clip la historia de casi cuarenta años de matrimonio fue proyectada en su cerebro; un infierno. Los dos cuerpos se agachaban paralelamente, como una metáfora de sus vidas juntos, esta vez en la aparente acción de ayudarse para recoger los anteojos. ¿Porqué no? La segunda vez la pregunta se le quedó interrumpida en un simple ¿por qué?, cuando se sintió caer delante del ómnibus, que no conseguiría evitarla, llegó a ver la sonrisa sarcástica con la que su marido la despedía.

TUTTI I PECCATI DEL MONDO TODOS OS PECADOS DO MUNDO


Temblorosas las ondinas
Reflejan la luz dorada
De un atardecer sin nubes


Un vuelo de pájaros
Salpicó de blanco
La verde luminosidad del lago


Sobre o vidro
Um incêndio de gotas
Chuva estiva


ARVOLÂNDIA ALBEROLANDIA ARBOLANDIA


Quando em Arvolândia cai uma folha as crianças pulam, no outono é um festival de pulos. O que inventa o salto mais bonito ganha uma Acácia para cuidar por toda a vida. Aquele que pula mais alto ganha o direito de viver em um Baobá até o próximo festival.


Quando ad Alberolandia cade una foglia, i bambini saltano; l'autunno quindi è un festival di salti.

Chi inventa il salto più bello, vince un'acacia di cui prendersi cura per tutta la vita.

Chi lo fa più alto, guadagna il diritto di vivere all’interno di un baobab fino al prossimo festival.


Cuando en Arbolandia cae una hoja los niños saltan, en otoño es un festival de saltos. El que inventa el salto más bonito gana una acacia para cuidarla toda la vida. El que llega más alto gana el derecho a vivir en un baobab hasta el próximo festival.


CACHORROS DANÇANTES

Il nostro corpo e il luogo che lo abita si appartengono, si contaminano, condividono memorie, si trasformano l'uno nell’altro. Il viaggiatore che ritorna modifica la sua casa con i ricordi e questa, a sua volta, trasforma con la sua presenza-tempo chi la abita; l'uno e l’altro contenitori di vivezze - esperienze perché la vita abbia dove e come definirsi. Protetti tra le pareti della casa-tempo-spazio-utero-abbraccio-padre-madre, noi siamo; lì passano i giorni e si impara a essere. Allontanato da questa casa-tempo-spazio-utero-abbraccio-padre-madre che mi fu rubata, dimora perduta che aveva fatto di me un paria, un senzaterra, un esiliato, mi sono trasformato in un non essere, in un solo stare.


ESTREIA E LAÇAMENTO DO LIVRO CACHORROS DANÇANTES


cautiva de sueños

la noche atesora

misterios sin dueño


rosto no espelho

um olhar sem misterio

eu em silencio


num ceu verde

as estelas vermelhas

pitangas maduras


TODOS LOS PECADOS DEL MUNDO en FACEBOOK


A trapaça

Ela o viu agachado a seus pés, esticando o braço para alcançar os óculos caídos na borda da calçada, ultimamente os objetos lhe escapavam cada vez com maior frequência de suas mãos; os anos e o Uísque acumulados começavam a fazer-se sentir. Um impulso inocente a fez aproximar se para ajudá-lo, foi então que se perguntou "por que não?” Um pequeno e imperceptível empurrão e o ônibus não conseguiria evitar o corpo de quem fora o seu companheiro ao longo da toda a sua vida. Como um vídeo clipe a história de quase quarenta anos de matrimônio foi projetada em seu cérebro, um inferno. Os dois corpos se agacharam paralelamente, como uma metáfora de suas vidas juntos, desta vez, na ação aparente de ajudarem- se para recolher os óculos. Por que não? A segunda vez a questão ficou interrompida em um simples por quê? Quando se viu cair na frente do ônibus, que não conseguiria evitá-la, chegou a ver o sorriso sarcástico com o qual seu marido a despedia.


Es como estar en un acuario

FUGA!
Es como estar en un acuario, todo ese líquido que nos envuelve; porencimapordebajopordelanteporatrásporlosladosportodaspartes nos envuelve y nos permite ir en todas las direcciones y no nos lleva a ninguna parte, siempre termina en una pared de vidrio que nos separa del mundo, a través de la cual observamos los otros, el mundo de los otros…
¿Otros acuarios?
“Olá, tudo bem?”
No da para tocarse. Una comunicación de gestos.
Del otro lado del vidrio otro acuario.
¿Cuál será la posibilidad de Fuga!?
Tal vez no hay fuga, ni deseo de fuga…
De todas maneras no se está tan mal, algunos pececitos de colores nadan junto a mi; son mis coetáneos. Debo solo moverme en sincronía, intentando mantener una cierta cordialidad.
¿Fuga!? ¿Quién necesita de una Fuga!?


Ingênuo aquele que pensa que a vida lhe pertence.

Ingênuo aquele que pensa que a vida lhe pertence, isto digo eu: filho de pai suicida.

Nem sequer a meu pai lhe pertenceu a vida no momento em que decidiu acabar com ela, ele podia só decidir entre um sim e um não, e foi um não. Esse não não o fez dono nem do sim, nem de si mesmo. Não pôde ser um sim, porque alguém decidiu antes por ele um não, porque alguém alterou o preço do dólar, que alterou o preço dos cereais, que aumentou a cota dos empréstimos, fazendo com que os que não puderam pagar, perdessem. Reconheceu, meu pai, que sua vida não era sua e acabou com o que lhe restava de não ser, ou de não poder ser o que seu desejo-mente lhe fez acreditar ser: um ganhador. Meu pai não sabia que não podia ganhar, ele estava ali para perder, esse era seu papel, meu pai não era outra coisa além de uma ficha que podia passar de uma mão a outra, não sabia que podia só decidir não jogar, porque, jogando, seu destino era perder. Os que atiram os dados são os donos do jogo, fazem trapaça, sempre trapaça, fazem trapaça, não é um jogo, é um roubo, roubo que toma tudo de todos, deixando que os que perdem paguem a conta dos destroços. Meu pai perdeu por jogar o jogo errado. Não foi destino, isso não existe, ninguém escreve por nós o que vai acontecer, a própria pessoa é o autor e quando escreve mal sua própria história, se justifica lançando a culpa a uma força superior pelas desgraças sofridas. Não foi nenhuma força superior, não foi o destino, foi o poder dos que decidem, o poder de seres humanos normais que, carentes de humanidade, decidem quanto vale a vida do resto de seus semelhantes, um simples jogo entre humanos, nem deuses nem destino, só um jogo entre semelhantes que pertencem a mesma natureza; e dizer semelhantes é uma ironia, uma crueldade, eu não sou semelhante a essas merdas mascaradas de destino. Isto que meu pai não sabia eu o sei, e já não quero saber nada mais a respeito, há muito deixei de pensar no destino e seus proprietários, deixei de perguntar-me, decidi não jogar. Com o que soube, então, não necessitei saber mais.

Compartilhando os fragmentos de vidas.


Artículo publicado en la revista de la Comuna Baires (Milán) en ocasión de la publicación del texto teatral: “Frammenti di vite condivise”


Corpo Memoria


SOBRE DRAMATURGIA - Texto para o XI Simpósio LUME 2022 - Quem é você hoje, Dramaturgia?


DENTRO FUERA ENTRE


Ankunf im Deutschland


Por un teatro molesto


Exilius


Extranjis


Ecos del encuentro con O Povo Em Pê


PRESENCIAS SENSIBLES EN ACCION (FUGA 1)

LA NATURALEZA DEL TIEMPO y la HISTORIA PERSONAL (FUGA 2)



Textos Teatrales - Testi Teatrali - Textos Teatrais - Theatertexte


FLOTANDO

GALLEGGIANDO

FLUTUANDO


SUK en castellano

SUK in italiano

SUK em português


Schimmelreiter - Ein groteskes Musiktheater - Stück

SCHIMMELREITER Litag Verlag


Antigone, meine Tochter


Das Haus


Lei e Lui

ELLA Y ÉL


MALINCHE


JAKOB UND SEINER BRUDER

O Rio de Janeiro visto vem por dentro a partir do olhar de um... estrangeiro!

"Todos os Pecados do Mundo" está disponível em português, nas versões digital (Amazon e Lulu) e também física sob encomenda.


TODOS OS PECADOS DO MUNDO AMAZON

TODOS OS PECADOS DO MUNDO LULU

Alberolandia

Agotado

Cachorros Dançantes

Agotado

"Tutti i peccati del mondo"

Rio de Janeiro vista dall'interno attraverso gli occhi di uno... straniero!
Disponibile in italiano su richiesta: norberto.presta@hotmail.com

VÍDEOS...


EL PREDILECTO DE LOS LEPIDÓPTEROS


IL BENIAMINNO DELLE FARFALLE


LIEBLING DER SCHMETTERLINGE


O PREDILETO DOS LEPIDÓPTEROS


PRESENTAÇÃO "O PREDILETO DOS LEPIDÓPTEROS"


FRAGMENTOS DE VIDAS COMPARTIDAS


FAMIGLIA - Sobre el fascismo y otras calamidades


CACHORROS DANÇANTES


VÍDEOS...

AMANHÃ É OUTRO DIA

VERDES E OUVIRDES

CORPO SENTADO

NADA PODE TUDO

CÁ ENTRE NÓS

CLARIARSE

ESTHER WILLIAMS NÃO QUER MAIS NADAR

DINGILINGI

A PAIXÃO DE BRUTUS

EHE ALLES LEGENDE WIRD

WIEGESCHRITT UND WILDE TRÄUMEN

TERRA FELICITA

ES WAR EIN MAL IN KULTURETAGE

Extranjis


FUGA 1

FUGA 2

Proposta pedagógica

Norberto Presta as a teacher at the following meetings, festivals and theater schools:

Diretor do departamento de teatro da “Escuela de Arte de Buenos Aires”, Docente para maestros escolares na Escuela Nacional de Maestros (Mexico), Docente no projeto “Il teatro va a Scuola”(Italia) para maestros escolares coordenado por Marco Paolini, Responsável pela formação atoral do centro cultural “Kulturetage” (Oldenburg – Alemanha)-Dirige o curso de teatro “Organicidad Actoral” (Goethe Institut de Mendoza/Arg), Ministra seminários no Teatro Universitário de Belo Horizonte (Brasil), Coordena com Sabine Uitz a “Civica Scuola Integrale di Teatro” em Este (Itália) e a Scuola Internationale di Teatro (Vighizzolo d’Este/Italia), Escola da federação italiana de artistas de rua (Certaldo/Italia), Escola do Teatro dei Naviganti (Messina), Teatro Cooperativa (Brescia/Italia), Gruppo Recremisi (Ancona/Italia), C.A.S.T. (Ancona/Italia), Incontro “Voci del mare” (Lipari/Italia), Festival “Bassa pressione”(Brescia/Italia), Festival “La stanza dello scirocco” (Messina/Italia), Espresiòn Corporpal (Posadas/Argentina), Teatro Poquelin (Bahia Blanca/Argentina), Salòn cultural Eibl (Eldorado/Argentina), Festival de Teatro EM CENA (Joinville/Brasile), Escola de teatro de Tespis Teatro (Itajai/Brasil), Escuela de teatro El Astrolabio (Buenos Aires/Argentina), Cineorto (Belo Horizonte/Brasile,)Festival de Inverno (Diamantina/Brasil), ECUM (Río de Janeiro/Brasil), Comuna Baires (Milão/Italia), Facoltà Klaus Vianna-Brasile), Jornadas Teórico Prácticas sobre teatro de grupo Septimo Fuego (Mar del Plata/Argentina), Encontro pedagogico MAUÀ, Feverestival (Campinas/Brasil), Festival Palco Italia (BH/Brasil), UniverCidade -Pensa Comigo(Rio de Janeiro), Proyecto Experimentus (Campinas/Brasil), Festival de Londrina, Festival de Fortaleza.


-El sombrero es un modo de apoyar la cultura independiente y libre, úselo.

-O chapéu é uma forma de apoiar a cultura independente e livre, use-o.

-Il cappello è un modo per sostenere la cultura indipendente e libera, indossalo.

-Der Hut ist eine Möglichkeit, eine unabhängige und freie Kultur zu unterstützen, tragen Sie ihn.

PayPal norby53@hotmail.it

Brasil:

Pix norberto.presta@hotmail.com

Argentina:

depósito en UALÁ (antes comunicar conmigo)

Europa:

Banca Etica in Italia: IBAN IT45J050181210100009127943

Revolut: IBAN LT563250052768613750 / @norbergznj

Cripto:

Binance (communicate with me)


WhatsApp +39 3772418946

Mail: norby53@hotmail.it

NORBERTO PRESTA


Fecha de nacimiento: 24/09/1953
Lugar de nacimiento: Buenos Aires (Argentina)
Nacionalidad: Italiana - Argentina

Idiomas: italiano, español, alemán, portugués.

Actor, director, pedagogo, escritor.
Desde 1971, actor, director, pedagogo y dramaturgo ítalo-argentino, fundador del Centro di Produzione Teatrale “Via Rosse” (Italia). Desde 1981, ha trabajado entre Europa y América Latina. Escribió, dirigió y realizó numerosos espectáculos, participando en festivales en Italia, México, Argentina, República Checa, Brasil, Ecuador. Desarrolla una intensa actividad formativa, colaborando con grupos de teatro en varios países: Alemania, Italia, Argentina, Suiza, España, Brasil. En 2004, como artista e investigador invitado por la UNICAMP, Norberto Presta inició una colaboración con el grupo Lume que resultó en la dirección de la muestra del Grupo: "Qué haríamos, sin las cosas que no existen", cuyo estreno - en marzo de 2006- lo trae nuevamente a Brasil. En 2007 estrenó “¡Fuga!”, en coproducción con Lume y dirigida por Núcleo Fuga.

Norberto Presta ha escrito, dirigido y/o actuado en decenas de espectáculos, muchos de los cuales (Antigone, the Iliada, Das Haus, Sacco e Vanzetti, Ehe alles Legende wird, O Predileto dos Lepidopteros, Fragmentos de Vidas Divididas, etc.) enfrentar los temas de la guerra, los conflictos y sus consecuencias individuales y colectivas, relacionados con las experiencias de emigración forzada, la búsqueda de entendimiento, la búsqueda de coherencia y respuestas creativas.

Data de nascimento: 24/09/1953

Local de nascimento: Buenos Aires (Argentina)

Nacionalidade: Italiana - Argentina

Idiomas: Italiano, espanhol, alemão, português.

Ator, diretor, pedagogo, escritor.

Desde 1971 ator, diretor, pedagogo e escritor teatral ítalo-argentino, fundador do Centro di Produzione Teatrale “Via Rosse” (Itália). Desde 1981, trabalha entre Europa e Latino América. Escreveu, dirigiu e interpretou numerosos espetáculos, participando de festivais na Itália, México, Argentina, Republica Checa, Brasil, Equador. Desenvolve intensa atividade formativa, colaborando com grupos teatrais em vários países: Alemanha, Itália, Argentina, Suíça, Espanha, Brasil. Em 2004, em qualidade de artista e pesquisador convidado pela UNICAMP, Norberto Presta iniciou uma parceria com o grupo Lume que resultou na direção do espetáculo do Grupo: “O que seria de nos, sem as coisas que não existem”, cuja estreia - em março de 2006 - o traz mais uma vez para o Brasil. Em 2007 estreia “Fuga!”, em co-produção com Lume e realização do Núcleo Fuga.


Norberto Presta escreveu, dirigiu e/ou atuou em dezenas de espetáculos, muitos dos quais (Antigona, a Ilíada, Das Haus, Sacco e Vanzetti, Ehe alles Legende wird, O Predileto dos Lepidópteros, Fragmentos de Vidas Divididas, etc.) o levaram a deparar-se com os temas da guerra, dos conflitos e de suas consequências individuais e coletivas, relacionadas às experiencias da emigração forçada, da procura de entendimento, da busca de coerência e de respostas criativas.


Data di nascita: 24/09/1953

Luogo di nascita: Buenos Aires (Argentina)
Nazionalità: Italiana - Argentina

Lingue: italiano, spagnolo, tedesco, portoghese.

Attore, regista, pedagogo, scrittore.
Dal 1971 attore, regista, pedagogo e drammaturgo italo-argentino, fondatore del Centro di Produzione Teatrale “Via Rosse” (Italia). Dal 1981 lavora tra l'Europa e l'America Latina. Ha scritto, diretto ed eseguito numerosi spettacoli, partecipando a festival in Italia, Messico, Argentina, Repubblica Ceca, Brasile, Ecuador. Svolge un'intensa attività di formazione, collaborando con gruppi teatrali in diversi paesi: Germania, Italia, Argentina, Svizzera, Spagna, Brasile. Nel 2004, come artista e ricercatore invitato da UNICAMP, Norberto Presta ha avviato una collaborazione con il gruppo Lume che ha portato alla direzione della mostra del Gruppo: "Cosa faremmo, senza le cose che non esistono", la cui prima - nel marzo 2006 - lo porta ancora una volta in Brasile. Nel 2007 ha presentato in anteprima “Fuga!”, in coproduzione con Lume e diretto da Núcleo Fuga.

Norberto Presta ha scritto, diretto e/o recitato in decine di spettacoli, molti dei quali (Antigone, L’Iliade, Das Haus, Sacco e Vanzetti, Ehe alles Legende wird, O Predileto dos Lepidopteros, Fragmentos de Vidas Divididas, ecc.) a affrontare i temi della guerra, dei conflitti e delle loro conseguenze individuali e collettive, legati alle esperienze di emigrazione forzata, alla ricerca della comprensione, alla ricerca della coerenza e delle risposte creative.

Geburtsdatum: 24.09.1953 Geburtsort: Buenos Aires (Argentinien)

Nationalität: Italienisch - Argentinien


Sprachen: Italienisch, Spanisch, Deutsch, Portugiesisch.


Schauspieler, Regisseur, Pädagoge und ítalo-argentinischer Dramatiker begann 1971 seine Theateraktivität. Er studierte an der Schule der Stadt Buenos Aires und am National Conservatory (Argentinien). 1981 nahm er an der ISTA (International School of Theatre Anthropology) von Eugenio Barba in Volterra (Italien) teil. Seit 1981 arbeitet er zwischen Europa, Argentinien und Brasilien. Er schrieb, führte Regie und spielte in rund 100 Stücken und nahm an Festivals in Italien, Mexiko, Österreich, der Tschechischen Republik, Spanien, Argentinien, Brasilien und Ecuador teil.


Norberto Presta entwickelt eine intensive pädagogische Tätigkeit und arbeitet regelmäßig mit Tanz- und Theatergruppen in verschiedenen Ländern zusammen.

Die sozialen und politischen Themen eines Theaters, in dem Körper und Bild Protagonisten sind, bestimmen den Inhalt und die Form seines Werkes.

Malinche

Agotado

NEWS + CHAT

Para charlar.

Per chiacchierare.

Bate-papo.

Zu plaudern.

norberto.presta@hotmail.com

+393772418946

News...

Sessão Cocomentada Curtametragem Argentino


XI Simpósio LUME 2022 - Quem é você hoje, Dramaturgia?


Encontros Notáveis & Conexões Criativas: GIANLUCA BARBADORI entrevista NORBERTO PRESTA 27/03/2021


INTERVISTA AGOSTO 2004 - VIA ROSSE/FESTIVAL UN PONTE TRA CULTURE


Crítica del Predilecto de los Lepidópteros - Mar del Plata - Mar del Plata, 20 Enero 2008


SOLEDADES. CARTA A UNA GENERACIÓN



EL MÉDICO A PALOS

O QUE SERÍA DE NÓS SEM AS COISAS QUE NÃO EXISTEM


ENTREVISTAS


TERRA FELICITA

HIER LEBEN



EL PREDILECTO DE LOS LEPIDÓPTEROS








MALINCHE



SOLEDADES - CARTA A UNA GENERACIÓN


CACHORROS DANÇANTES


FREIER FALL

SOLEDADES. CARTA A UNA GENERACIÓN

CASA BOJA Barcelona
DAS HAUS

DONNER WETTER


FLIEGENDE BAUTEN

FRAGMENTOS DE VIDAS COMPARTIDAS


KINDERLEICHT

VIAJE A LA COSTA 1980

DAS RÄTSEL DER GESTOHLENEN STIMMEN

GEHEIMNISSE IM DRACHENWALD


MENSCHENLANDSCHAFTEN


Interviews - Press - Posters

We inform you that your work TEATRANTE PARECIA IMPOSIBLE has been selected for the next edition of the BCT - Festival Nazionale del Cinema e della Televisione - Città di Benevento, live from the 12th to the 17th of july 2022. Jury examinated more than 1500 works coming from 40 different countries around the world, evaluating yours positively, like we said before, and deciding that yours is going to reach the final stage of the Festival. The following edition of the Kernesse, despite the current emergency, will occur regularly. From the 12th to the 17th of july 2022 your work will be projected on a specific date (Please check the official website of the Festival: www.festivalbeneventocinematv.it in the next weeks to find out when your work will be screened) and it will be available only during a specific time of the day, which will be indicated by the schedule of the Festival. If you didn't, we ask you to send us everything you need for the correct vision of your work before the 15th of June. We would be glad if the work will include italian sub already in it and if the author will decide to send us a short video which describes his work in 30 seconds, introducing it. We are available at any time if you have questions. Thank you. Sincerely, Staff Concorsi BCT

TEATRANTE invited to Festival Città di Benevento