Want to make creations as awesome as this one?

Uma história por dia ...e não sabes o bem que te fazia!

More creations to inspire you

Transcript

Uma ou duas histórias por dia...e não sabes o bem que te fazia...

Não te esqueças de clicarno símbolo do lado direitode cada página!

Este botão irá mostrar-te todosos símbolosinterativos!Diverte-te!

Clica e ouve a Leitura da obra " O Principezinho" de Saint Exupéry

1

2

Dois amigos a sério

O Principezinho

3

A senhora dos livros

O Diário de Anne Frank

em BD

1

A Guerra

2

O violoncelo do senhor O

3

Tens namorada, Jerónimo?

Je

1

2

O Pequeno Polegar

3

Encontro acidental

A fita vermelha

4

E chegamos a Domingo!Tempo para relaxar, brincar ou ver um filme!Aproveita e navega no nosso padlet de cinema! 🎬Ou se preferires descobre o que a nossa Bibliotec@online tem para te oferecer!É só clicares para teres acesso a dezenas de contos, livros, revistas, anedotas, filmes e séries!

A aluna estrangeira

1

O Regresso a casa

2

O Mundo de Sofia

3

"Quando vier a Primavera"Alberto Caeiro

É Primavera agora, meu amor Florbela Espanca

Canção da Primavera Mário Quintana

Alberto CaeiroQuando vier a PrimaveraQuando vier a Primavera,Se eu já estiver morto,As flores florirão da mesma maneiraE as árvores não serão menos verdes que na Primavera passada.A realidade não precisa de mim.Sinto uma alegria enormeAo pensar que a minha morte não tem importância nenhuma.Se soubesse que amanhã morriaE a Primavera era depois de amanhã,Morreria contente, porque ela era depois de amanhã.Se esse é o seu tempo, quando havia ela de vir senão no seu tempo?Gosto que tudo seja real e que tudo esteja certo;E gosto porque assim seria, mesmo que eu não gostasse.Por isso, se morrer agora, morro contente,Porque tudo é real e tudo está certo.Podem rezar latim sobre o meu caixão, se quiserem.Se quiserem, podem dançar e cantar à roda dele.Não tenho preferências para quando já não puder ter preferências.O que for, quando for, é que será o que é.

É Primavera agora, meu amorÉ Primavera agora, meu Amor!O campo despe a veste de estamenha;Não há árvore nenhuma que não tenhaO coração aberto, todo em flor!Ah! Deixa-te vogar, calmo, ao saborDa vida… não há bem que nos não venhaDum mal que o nosso orgulho em vão desdenha!Não há bem que não possa ser melhor!Também despi meu triste burel pardo,E agora cheiro a rosmaninho e a nardoE ando agora tonta, à tua espera…Pus rosas cor-de-rosa em meus cabelos…Parecem um rosal! Vem desprendê-los!Meu Amor, meu Amor, é Primavera!…Florbela Espanca

Canção da PrimaveraPrimavera cruza o rioCruza o sonho que tu sonhas.Na cidade adormecidaPrimavera vem chegando.Catavento enlouqueceu,Ficou girando, girando.Em torno do cataventoDancemos todos em bando.Dancemos todos, dancemos,Amadas, Mortos, Amigos,Dancemos todos atéNão mais saber-se o motivo…Até que as paineiras tenhamPor sobre os muros florido!Mario Quintana, Canções

O Bosque das histórias

1

2

Alerta máximo

O planeta das mães robot

3

E não podiamos acabar esta semana sem um apontamento especial...convidamos-te a clicar e leres a poesia que o carteiro deixou na caixa de correio!Bom descanso e boas Leituras com a tua bibliotec@online!Ler é ganhar asas para o mundo e viver mil e uma aventuras!

"A música das palavras”Quando lemos, crescem-nos asas na menteQuando escrevemos, cantam os dedos.Palavras são batuques e flautas na páginaaltos trinados, elefantes bramindo,rios que correm, águas caindo,pirueta de borboletalonge no céu!As palavras convidam à dança – ritmos, rimas, batidasdas asas, do coração, dos cascos no chão, contos velhos e recentes,fantasias e verdades.Quer estejas quentinho em casaou a atravessar o mundo para uma terra diferentee uma língua estranha, as histórias e poemaspertencem-te.Quando partilhamos palavras, a nossa voztorna-se a música do futuro,alegria, amizade e paz,a melodiada esperança.Margarita Engle